.

.

1 de mar de 2010

[AÇÃO] Manifestação contra a Polícia Grega


Grande manifestação-denúncia no bairro ateniense de Vironas neste sábado (27), contra o estado policial e o assassinato do jovem Nikkolas Toddy, de 25 anos, por agentes da polícia grega.]

Aproximadamente 1000 pessoas marcharam pelo bairro de Vironas gritando palavras de ordem, distribuindo panfletos e fazendo pichações. Unidades antidistúrbios do MAT (polícia especial grega) e cerca de 40 policiais da equipe Delta atacaram, por nenhuma razão, a manifestação, golpeando muitas pessoas e "inundando" o bairro com gás lacrimogêneo. Dezenas de pessoas ficaram feridas, enquanto as pessoas do bairro que não participavam do protesto saíram nas ruas gritando contra a polícia: "Assassino, Assassinos!".


Os manifestantes, formando “correntes humanas”, tentaram responder aos ataques policiais, e em muitas ruas houve enfrentamentos corpo a corpo e com lançamento de pedras. Parece que a manifestação maciça de 24 de fevereiro, como a de ontem, perturbaram as autoridades gregas, que receberam críticas duras da população do bairro.


No total onze pessoas foram presas e acusadas de agredirem a polícia, quando ela mesma que atacou brutalmente contra a manifestação, espancando e insultando, até mesmo idosos. No mesmo relatório, foi feita menção de lançamento de coquetéis molotov, algo que não é real, já que não se lançou qualquer coquetel no protesto. Uma pessoa foi ferida e está hospitalizada. Três pessoas foram acusadas de delitos maiores (posse de molotov, lei contra o uso do capuz), quatro sob delitos menores e outros ainda não se sabe.


À noite, as pessoas que estavam no Parque Auto-organizado de Exarchia, realizaram uma manifestação até a delegacia de Atenas (GADA) exigindo a libertação de todos os detidos. Hoje, domingo (28), ao meio-dia, acontecerá uma nova concentração-denúncia na Praça Deliolani, no bairro de Vironas. A noite haverá a distribuição maciça de folhetos e textos explicativos nos bairros de Vironas e Pagrati.


A morte de Nikkolas Toddy


Na semana retrasada (dia 17), durante uma emboscada policial para deter dois suspeitos de roubos à agência bancárias, a polícia abriu fogo - num bairro densamente povoado-, atingindo Nikkolas Toddy com nove balas, oito nas costas e uma na cabeça. O jovem era o pai de um bebê de 18 meses.


Pelotão policial é atacado em Exarchia


Por volta da uma hora da madrugada, um grupo de vinte pessoas atacou um pelotão de antidistúrbios na intervenção das ruas IIpokratus e Didotu, no bairro de Exarchia.


Ocupação em Tessalônica continua


Segue a ocupação da Reitoria da Universidade Aristóteles de Tessalônica, contra a invasão da polícia no campus e para defender o Asilo Universitário. Foram organizadas jornadas, exibições de vídeos, palestras, comidas populares. Amanhã, segunda-feira, haverá uma manifestação dentro do campus universitário e na terça-feira uma nova manifestação no centro da cidade.


Fotos da mani em Vironas: http://athens.indymedia.org/front.php3?lang=el&article_id=1137263 e http://athens.indymedia.org/front.php3?lang=el&article_id=1137177


Fotos da marcha antifascista do dia 24 de fevereiro: http://athens.indymedia.org/front.php3?lang=el&article_id=1137238


Fonte : agência de notícias anarquistas-ana

Nenhum comentário: