.

.

20 de out de 2008

[NEWS] Copyright Tira Blog do Ar


O blog Som Barato, que disponibilizava gratuitamente grande acervo de música brasileira na Internet, compartilhando albúns raros que não estão mais em catálogo e também albúns recentes de bandas independentes, foi colocado fora do ar pela Blogger, mais uma ferramenta do conglomerado Google. O motivo foi por conta de uma denúncia anônima (há indícios de que a denúncia tenha sido feita pela gravadora Biscoito Fino) alegando que o blog infringia a Digital Millennium Copyright Act (DMCA) lei de direitos autorais (Copyright) dos Estados Unidos, que desde que foi criada tenta inviabilizar qualquer processo colaborativo e participativo de aquisição do conhecimento.
Nestes quase dois anos de existência, o Som Barato é exemplo de como a Internet pode ser utilizada de forma positiva por seus usuários. Criado sem maiores pretensões, em pouco tempo já recebia muitas visitas. Ao mesmo tempo, o número de colaboradores que tinham em casa álbuns raros crescia e fortalecia a rede de troca, o que impulsionou a criação de projetos com o mesmo ideal: música de graça. O blog disponibilizava por dia, 10 álbuns completos com capa e contra capa e tinha uma média de 600 downloads diários. Isso provavelmente vinha tirando do sério, os donos de grandes gravadoras.
O espaço tinha uma visibilidade imensa e era o principal refúgio para as bandas novas, que sempre procuravam a página, com o intuito de disponibilizar e apresentar seu material ao público. O idealizador do Blog Som Barato argumenta: "A constituição brasileira diz que todo cidadão tem direito de acesso a cultura e é isso que estamos fazendo. Tentamos contribuir pra tampar um buraco que existe na cultura do país que deixa grandes obras engavetadas pelas grandes gravadoras. A lei prevê punição para quem ganhar dinheiro direta ou indiretamente com obras sem pagar direitos autorais, o que não é o nosso caso, pois fazemos tudo de graça. Felizmente, a nova geração de músicos já está entendendo os moldes da internet e está sabendo usá-la de forma legal".
Fonte: CMI - Centro de midia independente

[FOTOS] CAMINHADA ANARCOLÓGICA - MARINGÁ-PR


16 de out de 2008

[NEWS] Manifestação pelos presos políticos em Nova York

Em 10 de outubro, sexta-feira, o Jericho Movimento e a Cruz Negra Anarquista de Nova York, entre outros grupos, organizaram um comício em frente ao prédio das Nações Unidas para denunciar a situação dos presos políticos no país. Em seguida houve uma marcha, sem autorização, nas ruas centrais de Manhattan, com a presença de centenas de manifestantes.

Os diversos grupos levaram suas bandeiras, cartazes, faixas, coloridos e energia, demonstrando solidariedade aos presos políticos e denunciando as condições dos presídios estadunidenses. Ainda, questionaram a atual perseguição e criminalização da dissidência naquele país.


Apesar da presença policial, não foi registrado nenhuma repressão.

Este evento reuniu Nacionalista Negros, Independistas Portoriquenhos, Anarquistas, Grupos de Libertação Animal, entre outros, com o objetivo comum de chamar a atenção à situação atual dos presos políticos nos Estados Unidos.

O ato foi encerrado num parque de Manhattan, com muita música e alegria.

Mais infos e belíssimas fotos, em: http://www.thejerichomovement.com/index.html

8 de out de 2008

[ECO] Sopa de lixo plástico maior que os EUA bóia no Oceano Pacífico

Impressionante esse vídeo sobre resíduos plásticos boiando no Oceano Pacifico, na região chamada de Giro Subtropical do Norte do Pacífico. São lixos plásticos, de todos os tipos e tamanhos, vindos de tudo que é lugar. Nessa área tem seis vezes mais plástico do que plâncton! Acredita-se que ali tenha 100 milhões de toneladas de lixo plástico. A Fundação Algalita, que realiza estudos sobre a presença de plástico nos oceanos, acaba de traduzir para o castelhano um vídeo sobre os parâmetros desta sopa plástica que se encontra flutuando no Giro Subtropical do Norte do Pacífico. Como pode ser visto neste vídeo, a densidade de detritos plásticos encontrados nesta zona é surpreendentemente alta. E a que se deve tudo isto? O Giro Subtropical do Norte do Pacífico é uma área de convergência, onde as correntes oceânicas, que giram no sentido dos ponteiros do relógio, agem como um mecanismo de retenção impedindo que os dejetos plásticos se desloquem em direção aos litorais e se acumulem. Poderia se disser que se trata de uma gigantesca corrente superficial na forma de redemoinho. Estamos destruindo os oceanos, o mundo marinho! Há volta?

7 de out de 2008

[SOM] Timbre Rock Festival

E a Eletrons Bean Records estará no evento produzindo o projeto BLACK UNDER WHITE com as bandas: The Melt, Dizzaster e Korovas Vellocet, que estarão logo disponíveis no Canal www.youtube.com/eletronsbeanrecords e tbm aqui no blog.

[SOM] Movimento MarinJah - Reggae e Forró


3 de out de 2008

[NEWS] Igreja de Ribeirão Preto vai aceitar dízimo pago em cartão de crédito



As filas cada vez maiores na secretaria de atendimento da Catedral Metropolitana de São Sebastião, no centro de Ribeirão Preto (SP), motivaram a reforma modernizatória: transferir a secretaria para uma sala maior, com ar condicionado, banco de espera (com direito a revistas), máquina de café, senha eletrônica e duas máquinas de cartão - Visa e Mastercard - para melhor atender à clientela exigente."As pessoas que vinham aqui agendar casamento ou batizado perguntavam cada vez mais se podiam pagar com o cartão. Hoje em dia é díficil as pessoas andarem com dinheiro no bolso", conta Francisco Jaber Zanardo Moussa, o Padre Chico, responsável pela paróquia. Outra vantagem do cartão, ele explica, é diminuir o dinheiro físico dentro dos cofres da igreja, onde furtos já foram registrados.

A Catedral de São Sebastião será a primeira igreja católica do Brasil a aceitar pagamento em cartão

As máquinas também serão utilizadas para o pagamento do dízimo. Trata-se da primeira igreja católica do Brasil a utilizar essa tecnologia para a tradicional contribuição. Mas a modernização tem seus limites. Padre Chico frisa que o espaço de utilização será restrito à secretaria; por conseqüência, a máquina não vai substutuir a tradicional cestinha de contribuição passada durante as cerimônias: "A missa tem um sentido eucarístico, cerimonial, não posso colocar uma máquina lá no meio", diz.A nova sala de atendimento receberá a benção inaugural nesse domingo e começará a atender na segunda-feira. Na antiga secretaria de atendimento, passará a funcionar uma lojinha de artigos religiosos, conta o padre empreendedor.Na nova secretaria, haverá três guichês (a antiga tinha só dois): um para informações e atendimento de rotina, outro para sacramentos (batizado, primeira eucaristia, crisma, casamento) e um terceiro, onde ficará um padre, voltado para atividades exclusivas como bênção de imagens e terços, dúvidas específicas, entre outros assuntos.O fim da pesteO padre calcula que o movimento da catedral, que motivou toda a mudança, começou a crescer de um ano para cá, depois que bandos de pombas foram espantados da praça onde fica a catedral. "Antes a igreja era muito suja, havia uma população de mais ou menos 30 mil pombos por aqui", conta.Padre Chico conta, orgulhoso, que foi o responsável pelo fim da peste e o retorno dos fiéis. Decidido a dar um fim nas aves, se inspirou em Sertãozinho (SP), onde foi usado um repelente à base de extrato de uva para espantar as pombas. O Ibama, no entanto, não deixou que a experiência se repetisse em Ribeirão Preto. O padre recorreu, então, às lembranças da infância na roça, quando a família usava bombinhas de festa junina para espantar as rolinhas das plantações. "Pensei: se bombinha espanta rolinha, então foguete vai espantar pomba, que é maior".

O padre conta que as pombas usavam a praça como dormitório e chegavam ao local por volta das 18h. "Todo dia às 18h, eu soltava um rojão e elas fugiam. Por volta das 19h, elas voltavam e eu soltava outro", conta. A saga durou seis meses. "Hoje não tem mais nenhum pombo na praça", comemora.De lá para cá, o movimento da catedral triplicou. "Antes eu comprava de 1.800 a 2.000 hóstias por fim de semana, hoje compro de 3.500 a 4.000".


[AÇÃO] Caminhada Anarcológia